14 / 02 / 2018

Insatisfeitos, pesquisa aponta que mais da metade dos brasileiros querem trocar de emprego

Cerca de 1.019 pesquisas foram realizadas e analisadas com brasileiros de 18 anos que trabalham com carteira assinada dentro das 5 regiões do país.

 

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto Locomotiva e pelo grupo LTM (Loyalty & Trade Management) dados apontam que mais da metade da população nacional, cerca de 56% dos trabalhadores estão insatisfeitos com sua ocupação atual e desejam mudar de emprego.

Este número representa 18,7 milhões de pessoas ao todo.  Em contra partida 1/3 dos empregados afirmam estarem satisfeitos com seu emprego atual.

A insatisfação é devido a desmotivação e falta de engajamento tanto com a empresa, funcionários e também no serviço em geral. Este estudo revelado em Dezembro do ano passado deixa claro que:

 

– Carteira assinada e bonificações e por desempenho tornam 45% dos talhadores mais satisfeitos e motivados, isso em comparação a 31% deles que recebem apenas seu salário e nada além disso.

– 87% dos funcionários consideram que as premiações são uma boa forma de motivação, vendo que a empresa contratante valoriza seu esforço e desenvolvimento.

– 88% acreditam que as campanhas de incentivo (produtos e serviços) são a melhor maneira de incentivo.

– 80% são a favor dos programas que incentivam o reconhecimento e melhora a satisfação e produção dos funcionários.

– Dentre os trabalhadores que possuem carteira assinada apenas 11% recebem algum tipo d incentivo pelo seu trabalho.

 

Chegando à conclusão que para se sentirem motivados e com a sede de realizar um bom trabalho é necessário existir por conta da empresa algum tipo de recompensa ou reconhecimento profissional.

Dicas de recompensas Materiais: 

Vale presentes

Viagens

Comissão

Brindes

Dicas de recompensas imateriais:

 Estrelas

Placas de funcionário do mês

 Homenagens

Agradecimentos

Elogios

E quanto ao salário?

59% dos entrevistados afirmam que apenas o salário não é suficiente; para a maior parte dos entrevistados, benefícios e saúde profissional vale mais que uma boa remuneração.

 

Conclusão final

Com o estresse no ambiente de trabalho e problemas pessoais o trabalhador está carente de ouvir um “bom trabalho” ou receber alguma bonificação pelo seu serviço ou um prêmio físico por isso. Vendo que o salário não é mais o essencial e sim os benefícios e a qualidade de vida dentro do ambiente corporativo.

Esta matéria ajudou você?

+ 21 pessoas ajudadas
Fonte: IG
Topicos: Empregotrabalho

Comentarios