28 / 11 / 2017

Conheça a carreira de Analista de sistemas

Conheça o papel do analista de sistemas na empresa, saiba sobre carreira, área de atuação, o que faz, conhecimento e o que estudar!

Se o seu medo é investir em uma área que está em decadência, não se preocupe pois como analista de sistemas sua carreira irá decolar em pouco tempo.

Esta profissão que já não é tão nova assim, ainda tende a crescer e progredir no mercado digital.

Por mais que a necessidade tenha aumentado, e a evolução tecnológica avançado o mercado anda está carente de bons profissionais no ramo.

 

O que faz um analista de sistemas?

As principais funções de um analista de sistemas inclui realizar diversos tipos de análises, além de testar, documentar e implantar sistemas de T.I na empresa, outra função é realizar levantamentos e projetos de sistemas de acordo com a demanda e as necessidades da empresa.

O importante é que este profissional deve se atentar em trazer resultado positivos, de forma que aumente a rentabilidade da empresa.

Um ponto interessante é que o analista de sistemas atua junto com os programadores, gestores e clientes, ou seja para exercer a função é fundamental saber trabalhar em equipe.

 Conhecimentos e habilidades

No início de sua carreira, os requisitos para ingressar em uma boa empresa são mínimos como um bom conhecimento em hardware, periféricos,
UML, conceitos básicos sobre Processo Unificado,projetos de software,desenvolvimento de software.análise de Pontos por Função, Interfaces e Pacotes, Interfaces gráficas, Acesso à banco de dados, Constantes e variáveis, Algoritmos, Estruturas de dados, Comandos de entrada e saída, Vetores e matrizes.Estruturas sequenciais, condicionais e de repetição,  Conceitos e fundamentos de banco de dados, Abstração de dados, Restrições e integridade, SQL, Conceitos de Repositórios de Dados.Net e  VisualBasic.

Funções em tópicos

** Realizar o levantamento das informações através de coletas de , tanto com os clientes quanto com seus colegas de trabalho, em prol de aprimorar ou elaborar novos projetos da área de sistemas da empresa;

** Desenvolver dicionários de dados e manuais do sistema;

** Desenvolver relatórios técnicos;

** Desenvolver sistemas informatizados a partir do levantamento de dados;

** Corrigir problemas e falhas;

** Administrar a rede e o banco de dados da empresa;

** Mapeamento de processos e modelagem de dados;

** Analisar a parte de hardware e software;

** Documentar, projetar, programar e testar sistemas da informação;

** Com padrões de qualidade das rotinas e processos;

** Mapeia processos;

** Levantamento de requisitos e regras de negócio;

** Desenvolvimento em internet, programas;

** Analisar organizações provedoras de serviços de TI;

** Pesquisar e avaliar sistemas disponíveis no mercado e sua aplicabilidade para a empresa;

 

Níveis hierárquicos

Junior: Precisa ter inglês intermediário, entender de análise de sistemas, gerenciador de banco de dados e técnica de levantamento de requisitos, geralmente possui de 1 a 2 anos na função.

Pleno:  É fundamental inglês intermediário, saber de cabeça as funções de júnior e entender bem de processos de engenharia de software e estimativa de projetos, plataformas e metodologias de desenvolvimento de aplicações e sistemas, lógica de programação, a experiência varia de 3 a 4 anos.

Sênior: O inglês já pula para o avançado e pode existir a exigência do espanhol ou outra língua, além das funções anteriores este profissional também entende de gestão de pessoas, toda infraestrutura de TI, negócios e algumas empresas podem pedir pós graduação.

 

Como iniciar na carreira

Existem muitos campos e áreas de atuação como, negócios, páginas online, produção de software, infraestrutura de TI etc.

Este cargo exige o inglês e diploma de nível superior, seja tecnólogo ou bacharel em áreas de TI, como em Ciências da Computação e sistemas de Informação.

Para exercer a função é necessário ser ágil, organizado, criativo e saber se comunicar bem, tanto com seus colegas de trabalho, quanto com os diretores e clientes da empresa!

Geralmente os profissionais trabalham sob pressão, atendendo demandas, sempre com muita atenção e com bons conhecimentos em matemática, vale apena se manter informado dentro das novas tecnologias e mercado que atua.
Plano de carreira

Empresas de grande e médio porte tornam a presença de um analista de sistema em sua base de funcionários, e acredite o salário é ótimo!

A área de tecnologia está em alta no Brasil, fazendo com que dia após dia apareça mais e mais vagas dentro desta função, ou seja, se você se aprimorar dentro do TI e se tornar um bom profissional, a sua carreira será promissora e com possibilidade de carreira dentro de apenas uma empresa.

 

Mercado e Áreas de atuação

Os analistas ou desenvolvedores de sistemas possuem uma infinidade de seguimentos para atuar como desenvolvimento de software ou hardware, administração de banco de dados, administração de redes etc.

Poderá trabalhar em indústrias, comércio, prestação de serviços, web entre outras.

 

Cargos relacionados

Assistente de sistemas, Analista Desenvolvedor de Sistemas, Analista de Sistemas Especialistas, Analista de Desenvolvimento de Sistemas

 

Como se tornar um analista de sistemas de sucesso

Depois de ter realizado todos os cursos necessários para a sua área e saber dominar bem o inglês, você deve possuir muito desempenho, foco, praticidade, atenção e agilidade, afinal o mercado é rotativo e você vai precisar segura seu cargo, volte toda a sua atenção para gerar resultados para a empresa.

Se ainda não investiu nesta área, a hora é agora e aproveite pois ingressar em uma universidade está cada vez mais fácil e se já possui conhecimento, invista em um site profissional de confiança como o www.empregos.com.br que trabalha com a ferramenta de destaque, na qual te coloca no topo das buscas das empresas.

Então não perca tempo,

e seja contratado para vagas de Analista de sistemas.

 

 

Esta matéria ajudou você?

+ 60 pessoas ajudadas

Comentarios