18 / 09 / 2018

Quais são os principais erros de linguagem corporal cometidos pelos candidatos? Veja aqui!

Não sabe como agir em uma entrevista de emprego? Confira os principais erros de linguagem corporal e como evitá-los.
por
http://www.empregos.com.br

Você sabia que todo gesto que se faz com o corpo em uma entrevista de emprego já está sendo avaliado pelo recrutador? Então, fique atento a essa informação, pois alguns movimentos são vistos como erros de linguagem corporal e costumam eliminar muitas pessoas durante um processo seletivo.

Portanto, para tirar todas as dúvidas, vamos apresentar quais são eles, como podem impactar no resultado de uma seleção e de que forma é possível evitá-los.

 

Veja os principais erros de linguagem corporal

 

Má postura

A partir do momento em que você chega à empresa, ainda na sala de espera, já está sendo avaliado. Fique atento e nada de ficar com o corpo relaxado, pois isso pode demonstrar arrogância de sua parte.

Olhar disperso

Já ouviu falar sobre quem não olha nos olhos da pessoa com quem está conversando, tem grandes chances de estar mentindo? Pois é! Essa afirmação deve ser levada a sério, principalmente, quando estamos em uma entrevista de emprego, já que a falta de contato visual leva o recrutador a pensar que o candidato não tem certeza do que diz.

Inquietação

Evite fazer vários movimentos com as mãos, como pegar excessivamente nos cabelos e no rosto, ou mexer com os pés. Essas atitudes passam uma ideia de que você está tenso e precisa se acalmar fazendo algo, além de aparentar não ter se preparado para a entrevista e não ter controle para situações de pressão.

Distração

Esse ponto diz muito sobre o entrevistado. Quando o recrutador fala e observa o candidato distraído, olhando para o ambiente à sua volta ou, até mesmo, mexendo no celular, acaba criando uma ideia negativa sobre seu perfil. Tal maneira é entendida como se você estivesse ali de forma “forçada” e que seu desejo seria estar em outro lugar, visto que não há a devida atenção ao entrevistador.

Excesso de seriedade

Não é porque você está numa entrevista de emprego que não deve sorrir. Ao ficar sério demais durante a seleção, você pode passar uma imagem de que não é simpático ou não possui empatia.

Mãos suadas

Certamente, você já apertou a mão de alguém e estava suada. É uma situação muito desagradável, não é mesmo? Imagine esse caso numa entrevista de emprego — pode ser constrangedor. Logo, para evitar tal incômodo, procure secar bem suas mãos antes de ter contato com o entrevistador.

Braços cruzados

Ao realizar esse gesto, é assumida uma postura defensiva, a qual sinaliza que há uma resistência e uma distância por parte do candidato.

 

Saiba como evitar os erros de linguagem corporal

 

Ter um aperto de mão firme

Quando for cumprimentar, lembre-se de dar um aperto de mão firme e natural, mas não esqueça que a iniciativa deve partir do entrevistador.

Manter a cabeça erguida

Seu objetivo é demostrar confiança? Então, você deve sempre manter os ombros ligeiramente para trás e a cabeça levantada. Já para passar a ideia de que está atento ao recrutador, faça uma pequena inclinação para a frente com seu corpo.

Sorrir

Mesmo se for um pouco mais sério, não hesite em sorrir. Esse tipo de linguagem corporal é bem-aceito porque passa uma imagem de otimismo e entusiasmo. Portanto, invista nisso.

Manter os pés no chão

Ao contrário do que muita gente pensa, não é bom cruzar as pernas durante a entrevista. O mais indicado é manter os pés no chão, de forma paralela.

Olhar o entrevistador

Como já citamos, um dos erros mais cometidos pelos candidatos é o olhar disperso, mas vamos frisar nesse ponto para que se tenha um melhor entendimento. É importante olhar o entrevistado nos olhos, porém, é necessário tomar cuidado para que essa atitude não seja encarada como intimidatória.

Permanecer de braços abertos

Mantenha-os soltos e com certa distância do seu corpo. Dessa maneira, o entrevistado transmite uma mensagem de confiança e paz.

Sentar-se de forma flexível

A linguagem corporal influencia bastante na seleção, entretanto, não é preciso manter uma postura rígida, como estátua. Seja flexível, realize movimentos suaves e sutis, mas nada de exageros.

Agir com naturalidade

Evite decorar sua fala e seus gestos. Claro que é sempre bom treinar o que vai dizer na entrevista e como utilizará sua linguagem corporal, mas isso deve ser feito da forma mais natural possível, para que não passe uma má impressão.

Tenha atenção na entrevista de emprego

É perceptível que nosso corpo “fala” e diz muito sobre quem somos e o que pretendemos transmitir. Portanto, é necessário ficar sempre atento à postura diante das situações avaliativas, como é o caso de uma entrevista de emprego, na qual é feita uma análise a partir do momento em que se entra na empresa até o término do processo seletivo.

Agora que você aprendeu todas essas dicas, que tal pô-las em prática? Faça testes fictícios, em casa mesmo, e treine. Ao agir dessa maneira, você passará a ter mais autonomia durante uma seleção.

Invista em você

Já aprendeu todas as dicas que passamos aqui, mas ainda não foi chamado para uma seleção? Talvez, seja a hora de pensar em cadastrar seu currículo em algum site de emprego. É necessário que ele seja confiável e supra suas necessidades como profissional, para que, assim, aumente suas chances no mercado de trabalho.

Em locais assim é possível encontrar empresas e vagas diversas, cada uma com seus requisitos e suas especificidades. Nesse momento, é importante ficar atento não apenas às necessidades profissionais, como também à logística do trabalho. Considere-se que está disposto a se mudar, a se locomover por longas distâncias, se o salário está adequado e se o ambiente de trabalho atende ao que você procura. Além disso, é importante conferir o fit cultural da empresa e se você se adéqua a ele.

Você chegou até aqui, então, já sabe os principais erros de linguagem corporal e como evitá-los. Entretanto, para participar de uma entrevista de emprego, é preciso ser chamado para uma seleção.

Sabemos o quanto o mercado de trabalho está competitivo, por isso, preparamos o artigo “Como conseguir um emprego em época de crise” para que você possa melhorar suas oportunidades profissionais.

Esta matéria ajudou você?

+ 464 pessoas ajudadas
Topicos:

Comentarios