03 / 03 / 2017

Como liderar uma equipe mesmo quando você não é chefe

Uma equipe bem alinhada gera os melhores resultados. O que você pode fazer para motivar a sua?
por
http://carreiras.empregos.com.br/

Mesmo quem não ocupa um cargo de gestão ou supervisão pode, na prática, acabar na posição de líder.

Isso porque a liderança não é apenas um título. O profissional capaz de motivar e unir os colegas, alinhando a produção e otimizando os processos, é aquele que as pessoas respeitam, confiam e ouvem tanto quanto o próprio chefe.

O benefício de assumir essa posição é o de conhecer todos os processos ao fornecer suporte aos demais membros da sua equipe. Também conquista o carinho dos demais e se torna peça-chave entre os colegas.

Além disso, ser o “braço direito” do chefe e auxiliá-lo nessa demanda pode render pontos no futuro, caso surja uma oportunidade em que ele pode escolher ou sugerir um profissional para receber uma promoção.

Saiba como ser líder de uma equipe mesmo sem ter essa posição na empresa:

Esteja aberto ao diálogo
Entender as demandas e necessidades dos demais é essencial se você deseja ajudá-las. Esteja disposto a ouvi-las e compreendê-las, e proponha soluções aos problemas apresentados.

Reconheça as habilidades dos outros
Assumir a posição de líder não é o mesmo que tentar se sobressair dos demais, pelo contrário, significa estar ao lado deles.

Identifique as habilidades de cada membro da equipe e proponha que eles compartilhem seus conhecimentos com todos.

Incentive a participação
No ambiente corporativo, há diferentes perfis profissionais. Uns são tímidos, outros bastante comunicativos.

Peça a opinião de todos na tomada de decisões ou na execução das atividades como um todo. Afinal, cada um pode contribuir de alguma forma, com a profissão e as competências que possuem.

Seja crítico
Ser líder também não significa agradar o tempo todo. A transparência é uma característica tão importante quanto as demais.

Se algo não está bom, seja sincero com respeito e delicadeza. Certifique-se de que a sua crítica tenha argumentos representativos e sempre apresente uma sugestão de melhoria.

Assuma os seus erros
Da mesma forma que você se coloca na posição de crítico (visando aprimorar os resultados de todos), deve encarar o seu trabalho com o mesmo olhar, e aceitar as críticas quando elas vierem.

Não encontre culpados
Uma falha comum em chefes autoritários é se isentar dos erros cometidos pela equipe. No entanto, uma vez que você está à frente de uma equipe, deve representá-la em todas as situações. Isso significa encarar os problemas com a cabeça erguida.

Se você quer ser um companheiro de equipe visto como líder, não pode achar que os erros dos outros não são seus.

Você pode até não ter cometido falhas, mas ajude-os a superar momentos difíceis com o mesmo empenho que você teria se o erro fosse seu. Também não fique reforçando a todo instante os deslizes cometidos.

Mantenha o bom humor
Mesmo sendo comunicativo, compreensivo e confiável, ainda faltará uma característica que faz toda a diferença no espaço profissional: o carisma.

Você pode até não ser extremamente simpático, mas manter a atmosfera otimista ajuda bastante a instaurar um clima harmonioso no ambiente de trabalho.

E você? Já possui alguma dessas características?

Esta matéria ajudou você?

+ 51 pessoas ajudadas

Comentarios