05 / 07 / 2016

Como controlar as finanças com cartão pré-pago

Modalidade é alternativa para os que desejam gerenciar melhor os gastos e evitar dívidas no crédito
por
http://carreiras.empregos.com.br/

Quando se fala em controle de finanças pessoais, a maioria dos especialistas é enfática: quanto menos cartões você tiver, melhor. Afinal, esse é o principal meio de endividamento dos brasileiros atualmente.

Mas essa máxima não funciona para todos os cartões. Pelo contrário: o cartão pré-pago pode ser a saída para conter o orçamento mensal e fugir do vermelho.

O cartão pré-pago funciona como os cartões de crédito e débito – devem ser apresentados na hora da compra e possuem senha de segurança. A diferença está no valor. Enquanto os demais estão vinculados a uma conta bancária, o cartão pré-pago precisa ser carregado antes de qualquer compra.

É como um celular pré-pago – basta que você carregue um valor a sua escolha e, quando o dinheiro acaba, recarregue para usá-lo novamente.

O cartão pré-pago ganha espaço no mercado brasileiro. De acordo com a Acesso – uma das operadoras que oferecem esse serviço – em 2013, a demanda de cartões pré-pagos no país era de 100 mil. No ano passado, foram emitidos mais de 510 mil, o que representa um aumento de 410% em apenas dois anos.

Segundo estudo realizado pela Mastecard, até 2017, o segmento deve movimentar US$ 822 bilhões no Brasil.

CONTROLE FINANCEIRO
A principal vantagem do cartão pré-pago para administrar finanças pessoais é o desuso do cheque especial e do cartão de crédito. O pagamento passa a ser à vista, mas sem o dinheiro em espécie.

Assim, fica mais fácil gerenciar os gastos mensais, já que você é capaz de ver exatamente a quantia que está usando. Quando ela acaba, as opções são: deixar de gastar ou recarregar outra vez – nada de usar limites e trazer endividamentos para a sua vida financeira.

Isso motiva o usuário a refletir bem antes de fazer qualquer compra, e põe fim ao hábito de gastar mais do que se ganha.

cartao pre-pago

OUTRAS VANTAGENS
O cartão pré-pago também tem sido utilizado para o pagamento de prestadores de serviços que não tem conta em banco.

Ele é boa opção para quem só faz transações em dinheiro, pois além da praticidade, ele garante a segurança de não precisar andar com dinheiro na rua. Em caso de perda ou furto, basta cancelá-lo.

COMO CONSEGUIR UM CARTÃO PRÉ-PAGO
Como se trata de uma modalidade cujo pagamento é à vista, você não precisa comprovar renda ou ter o nome avaliado no SPC e SERASA para ter um cartão pré-pago.

Informe-se quanto a disponibilidade desse serviço no banco de sua preferência. No Banco do Brasil e no Itaú, por exemplo, os cartões pré-pagos são oferecidos e devem ser solicitados em agências bancárias ou pela internet, no site das instituições.

COMO CARREGAR UM CARTÃO PRÉ-PAGO
Você pode recarregar nas agências bancárias, caixas eletrônicos ou por meio de aplicativos online.

Fique atento!

Para esses cartões, às taxas de emissão e manutenção mensal saem, respectivamente, em torno de R$ 15 e R$ 5. Há também impostos específicos dependendo da operação que você vai realizar, como o de compras em moeda estrangeira.
 

Esta matéria ajudou você?

+ 8 pessoas ajudadas

Comentarios