Descubra agora mesmo o que faz um operador de produção

Conheça mais o sobre a profissão e como se destacar para conquistar a tão sonhada vaga.

O sucesso das atividades econômicas exercidas no sistema fabril depende diretamente da qualificação do trabalhador. Nesse cenário, o operador de produção tem um papel extremamente importante, já que suas atribuições estão fortemente ligadas à capacidade produtiva desse tipo de organização.

A partir da evolução industrial e do surgimento de novas ferramentas, tecnologias e sistemas operacionais, as atividades atribuídas a este profissional se tornaram mais complexas e abrangentes. Por isso, preparamos este texto para mostrar o que faz um operador de produção, quais as suas principais características e habilidades, além de dicas de como montar um currículo perfeito. Boa leitura!

O que faz um operador de produção?

Com o intuito de melhorar a capacidade produtiva e manter uma linha de produção cada vez mais organizada, esse profissional é responsável pela limpeza da área de trabalho, por realizar a manutenção preventiva e corretiva das máquinas e equipamentos, e atuar no controle e abastecimento das linhas de montagens.

Ainda, faz parte do seu papel orientar os demais colaboradores sobre as melhores práticas na operação e manutenção de maquinários, adotando medidas de proteção individual durante o expediente. Dependendo da demanda de cada empresa, esse profissional poderá também realizar o controle de produção, efetuar registros, atuar no departamento de logística e demais áreas relacionadas.

Sendo assim, ele está presente em diversos segmentos, a depender apenas de sua qualificação profissional. Por conta disso, se manter qualificado e atualizado é muito importante para o cargo.

Quais são as características e competências exigidas?

Como destacamos, as atividades exercidas por esse profissional têm ganhado maior complexidade diante dos avanços tecnológicos e da mudança do modelo de produção industrial. Dessa forma, se tornar um colaborador de destaque exige um perfil proativo, dinâmico e comunicativo — além de requerer habilidades técnicas.

Confira, a seguir, mais detalhes sobre as características que estão em destaque neste mercado.

Proatividade

A proatividade é um termo muito utilizado dentro das organizações modernas. Essa habilidade é fundamental para os colaboradores que desejam se manter ativos no mercado e, embora nem todos tenham essa capacidade, é possível desenvolvê-la ao longo da sua jornada profissional. Ser proativo é criar métodos inovadores para realizar atividades rotineiras e que, ao mesmo tempo, gerem resultados surpreendentes.

Responsabilidade

Colaboradores que assumem a responsabilidade têm cada vez mais chances de se destacarem no mercado de trabalho, uma vez que esta característica permite que as funções sejam executadas com eficiência. Em outras palavras, a preocupação em gerar resultados positivos contribui para o crescimento profissional e da empresa, já que suas atribuições são executadas da melhor maneira possível. Portanto, a responsabilidade reafirma o compromisso com a produtividade, proatividade e motivação.

Trabalhar sob pressão

O ambiente corporativo é, em muitas ocasiões, repleto de situações adversas. Enfrentar esse tipo de desafio é uma tarefa difícil, porém, saber lidar com a pressão do dia a dia é uma excelente oportunidade para o desenvolvimento profissional. Além disso, sair da nossa zona de conforto promove o autoconhecimento e nos dá a oportunidade de mostrar valor.

Dinamismo

Ter atitudes positivas no trabalho é requisito básico para todo operador de produção. Contudo, é natural que as indústrias também busquem pessoas que consigam agregar dinamismo em suas qualidades. Os processos produtivos estão cada vez mais dinâmicos e, por isso, contar com profissionais capazes de executar atividades multidisciplinares é um diferencial muito competitivo.

Comunicação

O sucesso profissional é o desejo de todo trabalhador, independente da sua área de atuação. Pensando nisso, é fundamental adotar um comportamento comunicativo no ambiente de trabalho, além de saber lidar com pessoas e gerenciar conflitos. Nesse sentido, demonstrar positividade de modo a melhorar o clima organizacional, buscar e oferecer ajuda e se manter atualizado são passos simples para se tornar um operador de produção melhor ambientado.

Quais habilidades podem ser destacadas no currículo?

Construir um currículo de sucesso é uma tarefa muito importante para se destacar em meio aos demais concorrentes no mercado de trabalho. Por isso, aqueles que desejam exercer bem a sua função no cargo de auxiliar de produção devem se cercar de atenção e executar todas as suas atribuições corretamente.

Ainda, a disponibilidade em se dedicar a essas tarefas é requisito básico para manter uma linha produtiva com máxima eficiência. Manter esse tipo de comportamento ativo, por exemplo, pode diminuir erros decorrentes do mau funcionamento dos equipamentos e maquinários, diminuir as chances de ocorrer acidentes no trabalho e permitir que todas as etapas de produção sejam mais ágeis e qualificadas.

Qualificação acadêmica

Destacar suas qualidades e competências pode aumentar as chances de convites para entrevistas e até mesmo de contratação. Além disso, é preciso ter atenção às informações de formação educacional e qualificação profissional, já que para atuar em indústrias, essa competência é vista como um diferencial muito importante. Nesse sentido, é válido ressaltar a participação em feiras do segmento, oficinas de profissão e demais eventos correlatos.

Experiência profissional

Temido por muitos candidatos, esse campo pode ser determinante para a decisão dos recrutadores. Por isso, é fundamental disponibilizar boas referências no cargo de operador de produção — especialmente quando há experiência na execução de atividades pertinentes à área.

Habilidades complementares

O mercado de trabalho está cada dia mais dinâmico e globalizado. Por conta disso, dominar um segundo idioma é uma exigência para muitos postos de trabalho, especialmente para atuar em multinacionais. Nesse sentido, caso possua esse tipo de conhecimento, é importante destacá-lo no currículo. Além disso, o domínio de recursos tecnológicos, bem como, os conhecimentos em softwares e informática também devem ser incluídos.

Concluindo, ingressar no mercado de trabalho por meio do cargo de operador de produção é uma excelente alternativa. O setor industrial vem se recuperando da crise vivida nos últimos anos e há boas expectativas sobre o crescimento das indústrias. Entretanto, a preparação e qualificação são indispensáveis para se destacar e conquistar a tão sonhada vaga.

E então, leitor, o que achou das informações que apresentamos no texto? Se gostou das dicas que trouxemos, não deixe de entrar em contato com o Empregos.com.br. Aqui você pode cadastrar o seu currículo e ser encontrado por centenas de recrutadores. Vamos lá?

Esta matéria ajudou você?

+ 63 pessoas ajudadas

Comentarios