15 / 06 / 2016

O que você precisa saber sobre o mercado de trabalho atual

Saiba como fortalecer a carreira apesar das dificuldades que a instabilidade econômica trouxe para o mercado de trabalho
por
http://carreiras.empregos.com.br/

A instabilidade econômica do país aumentou a taxa de desemprego no mercado de trabalho. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o número de pessoas desocupadas no primeiro trimestre deste ano subiu 40% em relação a 2015.

Mas isso não quer dizer que todas as empresas pararam de contratar. Afinal, apesar da desaceleração, o mercado continua a se movimentar. Hoje, mais do que nunca, as empresas priorizam a contratação de funcionários competentes e proativos.

Para os profissionais que querem se destacar em meio à crise, a saída é ter paciência, foco e disposição para colocar a mão na massa.

O grande número de pessoas desempregadas fez aumentar o número de candidatos por vaga. Isso significa que, além das vagas escassas, a concorrência é grande.

Saiba o que você pode fazer para se sair bem no mercado de trabalho atual:

QUALIFICAÇÕES
Os currículos de destaque são os dos profissionais que têm diferentes experiências e conhecimentos – e nem sempre isso se restringe às experiências em empresas ou faculdade. Cursos grátis, palestras, trabalho voluntário, tudo o que pode ser um diferencial na sua área é válido para acrescentar no currículo.

CURRÍCULO
Um currículo visualmente limpo, com as informações bem-estruturadas, é o segredo para chamar a atenção dos recrutadores.

Como eles estão recebendo muitos currículos, acabam lendo apenas os tópicos principais de cada documento, que são: resumo do currículo e objetivo do currículo.

Preenchê-los de forma correta, seguindo as normas do português, passa confiança e prende a atenção dos recrutadores.

Investir em currículo bem formulado para destacar suas qualificações para o recrutador. Eles estão recebendo muitos currículos, e quando buscam candidatos, encontram vários perfis. Para se destacar, deve-se ter um bom objetivo nos currículos, escreve-lo corretamente, deixar as informações mais importantes no resumo do currículo, para que ele leia e prenda a atenção.

O que voce precisa saber sobre o mercado de trabalho atual

CANDIDATURA
É o momento de avaliar a qualidade das vagas que você está enviando o currículo, e não a quantidade.

Enviar vários currículos que não tem nada a ver com o seu perfil é o mesmo que dar tiros no escuro, e você ainda terá de lidar com a frustração de ser chamado para poucos processos seletivos, em relação ao número de vagas que você se candidatou.

Se você quer mudar de carreira, especialize-se e faça currículos à altura das vagas a que você está se candidatando. Se quer permanecer na mesma área, foque em sua formação e experiências profissionais. Mas não envie o mesmo currículo para essas duas ocasiões.

ENTREVISTA DE EMPREGO
Mais do que se vestir bem e ser pontual, você precisa falar bem e convencer o recrutador de que você é o candidato ideal para a vaga que ele está oferecendo. Para fazer isso, o segredo é se preparar ao máximo para a entrevista.

Veja quais são as principais pegadinhas da entrevista de emprego. Hoje, perguntas que colocam o candidato em cheque, estão em alta.  Os empregadores querem saber como a pessoa se sai em situações fora do comum.

Estude o seu currículo para falar bem e treine o seu discurso em casa, promovendo seus pontos fortes e citando experiências anteriores de sucesso. Fique atento à sua linguagem corporal – isso também diz muito aos recrutadores mais atenciosos.

SALÁRIOS
Quem está trabalhando, deve aguardar a economia fortalecer para pedir aumento. Quem está se reinserindo no mercado, vai perceber uma queda nos salários oferecidos.

Portanto, o momento exige muita paciência e foco na carreira. Aproveite para aprender ao máximo, produzir e ser participativo na empresa. Assim, quando a economia se fortalecer, você não terá perdido tempo acomodado, e sim estável – preparando-se para novas e melhores oportunidades.

Esta matéria ajudou você?

+ 241 pessoas ajudadas

Comentarios