Luiz Pimentel

Diretor do site amelia.com.br, do Grupo Pão de Açúcar, tem larga experiência em marketing e desenvolvimento de produtos.
por
http://www.empregos.com.br

Diretor do site amelia.com.br, do Grupo Pão de Açúcar, tem larga experiência em marketing e desenvolvimento de produtos. Formado em administração de empresas pela Universidade de São Paulo (USP) em 1982, passou por grandes companhias, como Nestlé, Johnson & Johnson, e Compaq, na qual ocupou o cargo de diretor de marketing. Foi o responsável pela adoção do setor de vendas ao consumidor e o sistema de vendas diretas da Compaq, pela Internet e pelo sistema call center (atendimento telefônico informatizado).

SA: De onde surgiu a idéia de elaborar o site amelia.com.br?
SA, a idéia surgiu de pesquisas de mercado nas quais os consumidores mostraram interesse em ter um site que ajudasse na administração da casa.

Edu Corch: Tudo bem? Faz tempo que não nos falamos… Li uma pesquisa do IDC, a qual mostrava que só 10% dos brasileiros fazem ou fizeram compras pela Internet. Além do receio de usar o cartão de crédito, existem também descrédito em relação a prazo de entrega, garantia… O que tem sido feito no amelia.com.br para mudar essa “imagem negativa”, ou seu público-alvo não tem esse “medo”?
Edu, tudo bem? Para garantir que o serviço de entrega atende às expectativas do consumidores, ele é feito por nós mesmos, dentro dos padrões de qualidade do Grupo Pão de Açúcar.

mach5: Como é dirigir o site amelia.com.br? Quais são os desafios?
mach5, dirigir o amelia.com.br é um grande desafio por causa da exigência do público-alvo e das possibilidades que a Internet permite. Porém, o desafio maior é montar um modelo inovador na Internet brasileira que combine informações, produtos e serviços para ajudar no dia-a-dia da administração do lar.

Anônimo: O site também possui um ombudsman como a rede Pão de Açúcar? Quais são as mais freqüentes reclamações?
Anônimo, sim, o site tem ombudsman que foi treinado pela ombudswoman do Pão de Açúcar, Vera Giangrande. As reclamações mais freqüentes são quanto a ter uma variedade maior de produtos, como nas lojas físicas.

SA: Por que a escolha de “Amélia” como nome do portal?
SA, na nossa visão, amelia.com.br é um site porque não reúne outros sites, como fazem os portais. O nome vai de encontro à vontade dos consumidores de ter alguém que possa ajudar no dia-a-dia do lar. Todos queremos ter uma Amélia para delegar as tarefas que tomam mais tempo.

Edu Corch: Na mesma pesquisa (não sei se viu), o gasto médio é de R$ 30,00 por pessoa (15 em sites nacionais e 15 em estrangeiros), ou seja, há uma resistência de comprar pela net…. No seu caso específico, sendo que suas clientes são donas-de-casa (e tem aquela fobia de tecnologia e informática – que conhecemos bem), como espera reverter esse quadro?
Edu, no amelia.com.br, o valor médio de compra é cinco vezes maior do que nas lojas físicas. Este valor é, em média, de R$ 250.

ANA NAVARR: O site amelia.com.br oferece soluções ao administrador do lar. Isso inclui produtos, serviços e informações. Para isso, vocês concentraram os esforços no perfil de seus clientes e na montagem do seu database?
ANA NAVARR, sem dúvida, este é o princípio do nosso trabalho. Realizamos muitas pesquisas para direcionar nossos esforços.

Anônimo: O faturamento tem sido além ou aquém do esperado?
Anônimo, os resultados, não só de faturamento, mas de outras medições, têm superado nossas expectativas.

Luli: Qual é o perfil do usuário do site?
Luli, os resultados iniciais têm mostrado que 60% do nosso público é feminino e, desse tanto, existe uma grande concentração de pessoas entre 20 e 25 anos que trabalham fora.

Prata: Quando os consumidores de Porto Alegre poderão desfrutar todos os serviços do amelia.com.br? :))
Prata, acreditamos que no ano que vem estaremos passando a atender a cidade de Porto Alegre.

Edinho 19: Os anúncios realizados nas páginas top são muito caros mesmo? Agradeço desde já a atenção!
Edinho 19, ainda não começamos a comercializar os espaços publicitários do amelia.com.br.

Anônimo: Quantos itens estão disponíveis no site, em quantas áreas?
Anônimo, temos 7 mil itens de supermercado e 900 de eletrodomésticos. Além disso, oferecemos uma variedade considerável em floricultura.

rob1: Qual é o acesso diário ao site amelia.com.br?
rob1, o número de pageviews do amelia.com.br, em julho, ultrapassou 130 mil por dia.

ANA NAVARR: Você comentou há um mês em Curitiba que, em pouco tempo, o cliente que visitar o site e consultar a seção Menus Prontos, por exemplo, além de obter dicas para um jantar especial com a opção de comprar os produtos, automaticamente receberá sugestões para a garrafa de vinho mais apropriada ao cardápio escolhido, e será lembrado das flores e da música para o encontro. Houve um grande investimento tecnológico para permitir isso, certo? Quanto? E isso realmente já está sendo possível? Se não, o que falta para implantar ou em quanto tempo levará? Mais alguma inovação em vista para facilitar a vida do público do amelia.com.br?
ANA NAVARR, em final de outubro, estaremos disponibilizando uma série de novidades no amelia.com.br. Além desta que você citou, estaremos lançando serviços como: vídeo-locação, lavanderia, revelação de filmes, conserto de roupas e sapatos. Isso começará em São Paulo se estendendo para as outras capitais em seguida.

Prata: Qual é a agência de publicidade que possui a conta do amelia.com.br?
Prata, nossa agência é a Age. Foi ela a idealizadora da marca amelia.com.br.

Luli: O amelia.com.br tem algum similar no exterior?
Luli, tivemos a informação que existem sites voltados para condomínios de casas nos EUA que oferecem alguns dos serviços que o amelia.com.br terá.

Marina: Como escolheram a modelo que representa o site amelia.com.br? Aquela executiva representa bem o consumidor do site?
Marina, ela passou por uma seleção de modelos. Procuramos passar uma imagem de prestação de serviço, pró-atividade, inovação e responsabilidade.

Luli: Que serviços são esses, oferecidos nos condomínios?
Luli, entrega de supermercado, pagamento de contas, serviços de encanador, eletricista etc.

Prata: Quais eram as outras sugestões de nome para o site?
Prata, casa.com.br, lar.com.br, e outros do tipo.

Ernesto: Qual é a porcentagem destes acessos do site que se tornam compras?
Ernesto, esta é uma informação confidencial. Porém, posso lhe garantir que estamos muito acima da média de mercado.

ANA NAVARR: O nome “Amélia” não dá um tom pejorativo? Ou justamente pretendiam encerrar esse preconceito?
ANA NAVARR, o conceito é de que todo mundo gostaria de ter uma Amélia ajudando em casa.

EduCorch: Pimentel, os preços praticados no site são os mesmos que nas gôndolas, ou existe uma política independente?
Edu, existe uma política independente do amelia.com.br.

EduCorch: Percebi que você sempre escreve amelia.com.br. E uma estratégia de fixação de marca?
Edu, não. O site amelia.com pertence a uma outra empresa

rob1: Qual é o produto mais vendido pelo amelia.com.br?
rob1, são produtos de maior volume e maior peso, tais como água, refrigerantes, caixas de leite…

ANA NAVARR: Como vocês pretendem trabalhar o database? Enviando catálogos, malas diretas, jornais para informar promoções, por exemplo? Você acha que usar os múltiplos canais de venda direta pode ajudar a fortalecer a marca?
ANA NAVARR, sem dúvida alguma, os canais de venda direta são fundamentais na estratégia de Internet. Estaremos realizando uma série de ações das que você citou.

EduCorch: Uma reportagem da “Exame” desta semana diz que empresas pontocom têm investido pesado em mídia eletrônica e impressa (o que é caro), daí uns dos motivos de resultados negativos… Você pretende fazer TV? Vai usar mídias alternativas?
Edu, o nosso composto de investimentos prevê mídias alternativas. No entanto, não estaremos investindo proporcionalmente o mesmo volume que o mercado de Internet – 20% dos novos clientes vêm por indicação.

Ernesto: Falando em mídias, o amelia.com.br tem espalhado bantante o nome, seja em táxis e outdoors, seja em banners. Dá para avaliar qual tem dado melhor resultado?
Ernesto, ainda é muito cedo para poder afirmar qual é a mais efetiva.

Yo! Joe!: Sou estudante de design e adoro “estudar” logomarcas. Qual seria o conceito utilizado no logo do amelia.com.br?
Yo! Joe!, o conceito utilizado no logo da amelia.com.br é remeter à administração da casa. Por isso, você vê uma casa estilizada no nosso logotipo.

EduCorch: Última: o shop.org diz que nos EUA custa, em média, US$ 82 para atrair um novo cliente… Você concorda?
Edu, existem vários números a esse respeito. Tivemos a informação que a Amazon.com tem um custo de aquisição de novos clientes na ordem de US$ 15.

Valter: Há quanto tempo está no ar o site amelia.com.br?
Valter, o site está no ar há dois meses.

A todos, muito obrigado pela oportunidade e aqui vai o meu convite para vocês visitarem o amelia.com.br e checarem as novidades diárias que preparamos.

Esta matéria ajudou você?

Comentarios