17 / 10 / 2012

Aprendizagem Corporativa (Parte II)

Confira em sua versão virtual, a Universidade Datasul utiliza as mais recentes tecnologias de aprendizagem pela Internet, como vídeo streaming e interações gráficas, além de ferramentas como vídeos, animações e testes interativos.
por
http://www.empregos.com.br

Datasul une tecnologia à educação
Em sua versão virtual, a Universidade Datasul utiliza as mais recentes tecnologias de aprendizagem pela Internet, como vídeo streaming e interações gráficas, além de ferramentas como vídeos, animações e testes interativos. “Grande parte dos cursos dispõe de tutores virtuais, que, por meio de recursos como listas de discussão e chats, têm uma relação direta e personalizada com os alunos. A utilização dessas ferramentas garante que qualquer dúvida ou pergunta seja respondida imediatamente”, afirma o CEO da Datasul, Carlos Sá.

A Universidade Datasul OnLine ainda oferece uma Biblioteca Virtual com links para sites e artigos relacionados aos assuntos de cada curso, especialmente preparados pelos professores da Universidade Datasul. O aluno tem também a oportunidade de participar de um Centro de Construção do Conhecimento, onde novas idéias e conceitos são gerados, discutidos e disseminados.
Operando há 23 anos, a Datasul é uma empresa da área de tecnologia que possui mais de 200 mil licenças de usuários-clientes, em cerca de 2 300 sites em oito países, com um network de dois mil profissionais de serviços. Pouco depois de lançar uma das primeiras universidades corporativas do país, a Datasul criou sua versão OnLine para oferecer treinamento aos usuários das suas soluções ERP -Enterprise Resource Planning ou planejamento de recursos corporativos através de sistemas integrados de gestão implementados por softwares. Seguindo as mais modernas metodologias de transmissão de conhecimento a distância, a proposta da Universidade Datasul OnLine é possibilitar às empresas o máximo de retorno sobre o investimento efetuado em software do tipo ERP, utilizando o conhecimento como ferramenta de gestão competitiva.

A iniciativa confirma o pioneirismo da Datasul na oferta de conhecimento, a exemplo da sua universidade corporativa, criada em 1999 para atender à demanda por profissionais especializados em tecnologia da informação aplicada aos negócios, e do primeiro curso superior para consultor em software ERP, ministrado em conjunto com a UDESC-Universidade Estadual de Santa Catarina.
A Universidade Datasul OnLine tem mais de 40 cursos para os interessados em aprimorar os conhecimentos sobre a Gestão Empresarial e Recursos Humanos. Os treinamentos têm duração de quatro horas em média, com base no conceito do auto-estudo (self-paced learning). Os cursos da Universidade Datasul OnLine também podem funcionar como uma reciclagem profissional, já que o conteúdo não requer navegação linear. Desta forma, cada aluno poderá escolher os temas mais estratégicos para sua carreira e estudar até o ponto desejado.

TV interativa
A Dtcom (Direct to Company), uma das principais empresas brasileiras de treinamento empresarial a distância do país, atende universidades corporativas de grandes organizações de diversos segmentos, como Klabin, Sabesp, Santista Alimentos, Varig, Petrobras, Laboratório Fleury, Banco Santander, Volkswagen, Ford, Toyota, Procter & Gamble e Instituto Tancredo Neves. O sistema de treinamento a distância da Dtcom é o primeiro, no Brasil, a utilizar os recursos da TV por assinatura conjugados com a Internet -a chamada TV interativa. E mais, é a primeira empresa nesse segmento a receber a certificação ISO 9002.

O conteúdo dos cursos transmitidos é produzido por instituições nacionais e internacionais, com destaque para a NTUC (National Technological University Corporation), maior empresa de treinamento empresarial a distância dos Estados Unidos, e sua coligada PBS (The Business Channel), responsáveis pela produção de programas de treinamento empresarial provenientes de mais de 48 universidades norte-americanas, tais como MIT, Columbia, Stanford e Berkeley.

“O diferencial da Dtcom, em relação às empresas de treinamento empresarial a distância do mercado, é oferecer grande oferta de conteúdo e serviços customizados, que vão desde projetos para a formação de universidades corporativas virtuais até o desenvolvimento de cursos específicos”, esclarece Leonardo Petrelli, diretor-presidente da empresa.
São mais de 20 cursos inéditos lançados por mês, além de cursos específicos pelo sistema pay per view e teleconferências exclusivas -com personalidades como Spencer Johnson, Stephen Covey e Tom Peters. Na programação, cursos de áreas como marketing e vendas, finanças e contabilidade, logística e operação, gestão de pessoas, desenvolvimento pessoal, línguas estrangeiras, informática e Internet, tecnologia da informação, entre outras.
A transmissão é feita de um teleporto no Paraná. O sinal chega às universidades corporativas através de uma antena parabólica de 60 cm e de um equipamento receptor/codificador instalado junto à TV. A empresa e seus funcionários recebem atendimento personalizado no site da Dtcom, por chats e fóruns de discussão, com a interatividade dos professores.

UniGlobo é virtual de berço
A universidade corporativa da Rede Globo já nasceu virtual. Desde maio deste ano, a UniGlobo oferece cursos de português, informática, webdesign e gestão de vendas para os 15,5 mil funcionários das 113 emissoras distribuídas pelo país, através do site de comunicação da Globo com as afiliadas, na Internet. Reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC), com o apoio e supervisão pedagógica e didática da Univir, braço da UniCarioca especializado em educação a distância, os cursos da UniGlobo já têm 1200 colaboradores inscritos, mais de 950 estudando e 162 diplomados.

Para demonstrar o novo meio de aprendizado, a campanha de lançamento da universidade incluiu teasers, cartas para executivos, comunicação para todos os funcionários, vídeo sobre a UniGlobo e divulgação pela Internet. Tudo isso para mostrar os principais diferenciais do treinamento pela Web, destacando as vantagens de fazer cursos em hora e lugar convenientes, a baixo custo, além de oferecer a possibilidade de contato virtual permanente com companheiros de trabalho para a troca de idéias.
As chefias imediatas também estão envolvidas e acompanham o desenvolvimento do projeto através da avaliação dos participantes dos setores respectivos. “Com esta ferramenta eu consigo garantir a homogeneidade de informação, treinando um maior número de pessoas em menos tempo”, garante Beth Accurso, diretora de projetos especiais da Central Globo de Recursos Humanos, adiantando que a Rede Globo está equipando todas as emissoras para intensificar o uso da videoconferência para treinamento em 2002.

“Ainda não eliminamos de todo os treinamentos presenciais, porque nós acreditamos que o ensino presencial e o e-learning são complementares. É lógico que muitos dos treinamentos presenciais estão migrando para esta forma de treinamento, mas o contato ainda é muito importante, pois o brasileiro é muito relacional”, explica a diretora. Aliás, o grande diferencial do e-learning promovido pela Rede Globo é justamente o conceito de universidade corporativa virtual que vai além da Internet.
Utilizando-se de recursos tecnológicos e de multimídia -com midiateca, auditórios para palestras, chats e CD- Roms de apoio-, os cursos da UniGlobo Virtual usam técnicas do ensino presencial. São criadas turmas para o aprendizado, para evitar o isolamento, e há também a figura do tutor OnLine, para oferecer apoio e suporte, responsável pela participação nos grupos de discussão e pela avaliação dos alunos para emissão do certificado ao final dos cursos. “Foi uma maneira de oferecer novas oportunidades de desenvolvimento para o nosso público interno”, comemora Beth Accurso.

E o que tira o sono dos homens de RH?
Como treinar nossos funcionários em todo o território nacional, sem grandes investimentos com transportes, alimentação e hospedagem? Como manter nossos treinamentos constantemente atualizados, diante de tantas mudanças? Como avaliar nossos programas de treinamento e manter nosso banco de dados atualizado?” Estas indagações são feitas diariamente por gestores de inúmeras empresas. Para responder a essas e outras perguntas, o ABN-Amro Bank criou a Academia ABN OnLine.

Os cursos a distância já respondem por cerca de 33% dos treinamentos realizados nas agências do ABN-Amro, e devem chegar este ano a cerca de 750 mil horas no total. Estima-se que mais de 10 mil colaboradores já passaram pelos treinamentos remotos, em mais de 95 estações de autodesenvolvimento do tipo “stand alone”. Para aderir à solução, basta que as agências disponibilizem um computador com impressora para os colaboradores. A intenção é criar formas múltiplas de aprendizagem, aliadas à cultura de autodesenvolvimento da empresa, com base no intercâmbio de conhecimentos, parcerias com outras instituições, envolvimento dos gestores, integração com a comunidade e na aprendizagem e aplicação do aprendizado no dia-a-dia.

Marco Antonio Fincatti, coordenador de multimídia da Academia ABN, explica que o treinamento a distância é utilizado em maior escala para as áreas gerenciais e técnico-administrativas. “Temos títulos como: ‘A Descoberta dos Valores Corporativos’ (ganhador do prêmio ‘Gestão Empresarial de 2001’), ‘Atividade Bancária’, ‘Real Internet Empresa’, ‘Real Internet Banking’, etc.”, explica. Combinando Internet e recursos multimídia, o sistema proposto para a realização da Academia alcançou as seguintes soluções para as velhas questões que atormentavam os executivos da empresa:

· Possibilidade de utilização de recursos de áudio, vídeo e interatividade nos programas de treinamento.
· Flexibilidade para utilização de qualquer tipo de programa de treinamento, independentemente do software no qual foi desenvolvido, bastando ser executável para rodar no sistema.
· Logística, acompanhamento e feedback do treinamento centralizado em um único sistema.
· Otimização no consumo do tempo de utilização de linha telefônica conectada à Internet

Tudo isso acrescido do seguinte detalhe: os bancos em geral possuem uma arquitetura de sistemas bastante rígida, exigindo soluções diferenciadas em relação às empresas de outros segmentos, com muito cuidado na segurança das operações e informações financeiras dos clientes.

Esta matéria ajudou você?

Comentarios