23 / 10 / 2015

Profissão Secretariado Executivo

Profissional assessora o chefe direto, facilita processos administrativos e otimiza a rotina do trabalho
por
http://www.empregos.com.br

Servir café e atender ao telefone o dia todo são coisas do passado para o profissional da área de Secretariado.

Hoje as empresas buscam pessoas inteiradas com o negócio, capazes de otimizar a rotina dos executivos e facilitar processos burocráticos.

Segundo Isabel Cristina Baptista, presidente do Sinsesp (Sindicato das (os) Secretárias (os) do Estado de São Paulo), o profissional de Secretariado deve estar engajado de tal forma que consiga visualizar imprevistos, evitando surpresas indesejadas.

A formação técnica ou universitária, diz Isabel, prepara o estudante para as exigências do mercado de trabalho. “Os cursos são fundamentais para exercer as tarefas com qualidade.”

O salário inicial é de R$ 860 (nível técnico) e R$ 1,2 mil (nível superior). O rendimento do profissional sênior pode chegar a R$ 12 mil por mês.

secretariaexecutiva

 

Importância da formação
É muito importante que hoje, entrando no mercado de trabalho, o profissional de Secretariado busque – e tenha – a formação em Secretariado Executivo. Porque é uma legislação… nem a empresa será penalizada, e o profissional, por meio do estudo, da formação superior, vai estar capacitado para atender as exigências das empresas e dos executivos.

São cursos que oferecem formação ampla que, além da questão técnica, do que você precisa entender sobre o assessoramento, passam por matérias como Economia, Gestão de Relacionamento, Gestão do Tempo, Informática, conhecimento de outros idiomas e da norma culta, que são fundamentais para o profissional de Secretariado exercer com qualidade suas tarefas.

Atribuições e responsabilidades
Em especial, o assessoramento direto ao executivo. O profissional pode facilitar – e muito – os processos administrativos do executivo quando administra a rotina do ambiente de trabalho, e faz com que o executivo foque no principal negócio da empresa.

Secretário (a) de ontem versus secretário (a) de hoje
Antes o trabalho era muito mais operacional. O profissional servia café, atendia telefone, fazia uma pré-triagem, mas não estava tão ligado aos conceitos e à importância do negócio da empresa.

Hoje ele está tão comprometido com a empresa e com o executivo que consegue antecipar os imprevistos para resolver os assuntos de forma muito mais ampla, com mais responsabilidade e com muito mais consciência da importância do negócio da empresa para o mercado, para com seus clientes.

Atuação
O secretário ou secretária pode atuar nos mais diversos ramos. Se imaginarmos que em todos os lugares você encontra um profissional da área, seja na indústria, no comércio, em empresas públicas.

Mercado
A avaliação do mercado de trabalho para o profissional de Secretariado é bastante positiva. Vemos no Sinsesp (Sindicato das (os) Secretárias (os) do Estado de São Paulo) algumas homologações acontecendo e, logo na sequência, a substituição dessas vagas. Percebemos, nos cursos de bacharelado, que todos os alunos são requisitados pelas empresas para estagiar, o que se transforma, normalmente, em um vínculo empregatício depois de formados.

Início de carreira
Para começar bem, primeiro é preciso estar bem formado, ter buscado na formação a melhor capacitação e comprometimento, e depois ter uma identificação com o que faz. É uma profissão próspera, que oferece salários competitivos. O profissional cuida do sigilo da empresa e do executivo, então é preciso gostar muito do que faz.

Esta matéria ajudou você?

+ 103 pessoas ajudadas

Comentarios