A procura do candidato ideal para suas vagas em aberto? Anuncie no Empregos.com.br[close]

Para sua Carreira.

Orientação e dicas para você atingir seus objetivos.



Consultoria: alternativa de trabalho na era do não-emprego
por Juliana Ricci

Uma pesquisa realizada pelo Seade/Dieese revelou que 19,1% da população economicamente ativa na Grande São Paulo estava desempregada em janeiro. Este dado demonstra que cada vez mais emprego com carteira registrada e cartão de ponto está chegando ao fim. Mas isso não significa que não haverá trabalho. O vínculo deverá ser com o trabalho que cada um sabe fazer e não mais com o emprego ou com um empregador.

Como alternativas aos empregos tradicionais, os profissionais precisam ver as empresas não mais como empregadoras, mas como seus potenciais mercados. Devem procurar nelas necessidades não-atendidas e oferecer trabalho capaz de suprir estas deficiências.

Estar apto a participar desta nova concepção de trabalho requer uma grande mudança de postura do profissional. Como fazer então para procurar trabalho?

Uma das respostas está na proposta do consultor Dino Carlos Mocsányi, autor do livro "Consultoria: O Caminho das Pedras - Trabalhando na Era do Não-Emprego". Ele elaborou, em conjunto com a Central de Negócios em RH, um curso para ensinar a arte de ser Consultor. Dino diz que não existe formação específica para ser um consultor, "até porque ser consultor não é uma profissão, é uma forma de exercer a sua profissão. No Brasil atualmente existe apenas um curso de curta duração para a formação de consultores, que é o qual eu ministro. É um curso voltado para quem pretende se especializar ou para aqueles que querem iniciar no ramo de consultoria. O meu curso é como se fosse um regime de imersão. São dois dias aprendendo como se portar, e como exercer a consultoria", garante ele.

O curso é ministrado desde 1996 e nesse período já formou mais de 2.100 profissionais em todo o Brasil. Desta vez, "Capacitação e aperfeiçoamento de consultores" acontecerá em São Paulo, nos dias 24 e 25 de março (veja informações completas no box no final da matéria).

O conteúdo inclui:
1. Consultoria: Uma Decisão Profissional e um Projeto de Vida
2. O Marketing e Vendas de Trabalhos de Consultoria
3. Propostas, Vendas e Contratos
4. As Fases Principais do Trabalho de Consultoria:
a) Prospecção de mercado e contato inicial com clientes
b) Entendimento do problema e propostas de trabalho
c) Contratos de Trabalho: quanto cobrar e diferentes formas de remuneração
d) Coleta de Dados e Diagnóstico: instrumentos de trabalho
e) Planejamento da Execução: cronogramas e responsabilidades
f) Implementação dos trabalhos contratados: controle do escopo e orçamento
g) Extensão, acompanhamento ou término do trabalho.

Veja mais algumas orientações de Mocsányi sobre a área de Consultoria:

Empregos.com.br - Qual o campo de trabalho para consultores atualmente?
Dino Carlos Mocsányi - Há cerca de 6 a 8 anos as empresas que contratavam os consultores eram as de médio e grande porte. Hoje em dia está cada vez mais comum as empresas de pequeno porte terem esse tipo de prática de contratação de consultores. Os projetos são geralmente os de curta duração.

Empregos.com.br - Qual o ponto principal, aquele que o prifissional não pode deixar de ter ou cuidar para ser um bom consultor?
Dino Carlos Mocsányi -
Em primeiro lugar é fixar uma área de atuação. Consultores muito generalistas não são bem aceitos no mercado. É preciso saber com clareza qual a sua especialidade para poder transmitir para o seu cliente o resultado concreto. Outro fator muito importante é se o profissional está sempre atualizado. Hoje em dia, os consultores não são questionados pela sua idade, mas sim sobre as novidades do mercado. Mas o ponto principal que um consultor tem que ter bem claro é a questão da ética profissional.

Empregos.com.br - Como o mercado diferencia bons consultores dos "picaretas"? Quais os critérios utilizados pelas empresas?
Dino Carlos Mocsányi -
Para diferenciar os bons dos maus consultores é a experiência acumulada e os resultados atingidos comprovadamente. Hoje no mercado existem muitos profissionais que estão consultores no momento e não são consultores. A empresa tem que questionar onde ele se aperfeiçoou em consultoria. Para ser um bom consultor é necessário ter certas habilidades como relacionamento, vender idéias, liderança. Todas essas habilidades são aprendidas no curso.

Empregos.com.br - Como atua o consultor interno?
Dino Carlos Mocsányi - Um consultor interno atua como uma assessoria interna. Ele dá o suporte para certas áreas da empresa como Sistemas, Processo, Qualidade, RH e treinamento, entre outras. A diferença é que ele é funcionário da empresa, mas apóia diretamente essas áreas.

INFORMAÇÕES:

Capacitação e aperfeiçoamento de consultores
Data: 24 e 25 de março de 2004
Local: sede da Central de Negócios, R. dos Heliotrópios, 77, Vila Mariana, São Paulo - SP
Horário: das 8h30 às 17h30
Inscrições: clique aqui para fazer pela Internet ou ligue para (11) 5585-9400, com Isabel (em ambos os casos mencione ser usuário do Empregos.com.br para ganhar o desconto)
Desconto: usuários do Empregos.com.br receberão 5% de desconto na inscrição

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Receba informações no seu e-mail sobre RH e o mundo corporativo