Para sua Carreira.

Orientação e dicas para você atingir seus objetivos.



O que fazer com seu fundo de garantia?



A legislação trabalhista no Brasil é bem generosa com o trabalhador, mas é bom usar bem os recursos vindos da rescisão.

Thiago Foresti - Empregos.com.br

Fundo de GarantiaDepois da notícia vem aquele frio na barriga. E agora? Perder o emprego nunca é fácil, mas no Brasil as leis trabalhistas são um alento na hora do acerto de contas. Quem fica mais de seis meses tem direito além de férias, décimo terceiro e fundo de garantia, a mais seis meses de seguro desemprego. Sem dúvida é uma mão na roda e um belo estímulo na hora de recomeçar.

Mas o que fazer com todos os benefícios? Lembre-se que ao ser dispensado por uma empresa você vai ganhar uma pequena boladinha de dinheiro, mas é importante se planejar até arrumar outro emprego. Segundo especialistas em finanças, o melhor é sempre poupar.

despesas até voltar à estabilidade. Deixe o dinheiro na poupança ou em outro fundo de curto prazo, dessa forma você não sofre a tentação de gastar e ainda aproveita para deixar o dinheiro rendendo”.

Outra dica é investir na sua recolocação. Assinar sites de emprego, incrementar o networking em eventos e participar de tudo o que te convidam: “É importante estar presente, apertar mãos e olhar nos olhos. Um bom networking se constrói no mundo real. A internet é importante, mas apenas para manter contatos, não para fazer novos”, diz Paulo Pereira de Azevedo, coaching e especialista em Recursos Humanos.

Lembre-se que o seguro desemprego é apenas por tempo determinado. Além disso, agentes do governo estarão sempre em contato oferecendo vagas e ficando de olho para saber se você não está se aproveitando indevidamente do seu benefício. É importante não se acomodar, perder tempo pode significar ficar obsoleto num mercado rápido de dinâmico. Então bola pra frente e invista no seu futuro.

Deixe seu Comentário

Faça uma busca de vagas (escolha uma área ou busque o cargo desejado)

Buscar Emprego: