Para sua Carreira.

Orientação e dicas para você atingir seus objetivos.



Eles estão de olho em você!



Cada empresa tem suas regras, condições de trabalho e de monitoramento, mas até onde elas podem ir sem cometerem crime de violação de privacidade?

Yngrid Paixão - Empregos.com.br

As redes sociais no mundo profissionalA grande maioria das empresas libera o uso das redes-sociais e de e-mail pessoal, o nome já diz: “pessoal”. Então é claro que o funcionário não se sente confortável se estiver monitorando suas atividades durante todo o tempo. Além de desagradável, isso atrapalha na concentração.

Também tem a questão das câmeras, existem empresas que para prezar a segurança do próprio funcionário, saem instalando câmeras em todos os cantos, o que muitas vezes incomoda.

É como se o seu trabalho tivesse se tornado um reality show, no qual cada movimento seu é visto por alguém, mas será que isso é correto?

Na questão das câmeras, não existe lei que proíba sua utilização no ambiente de trabalho, porém, ela não pode ser instalada de forma alguma em locais como banheiros e refeitórios.

No caso do monitoramento no computador do funcionário, a empresa pode sim ter um programa que controle. Porém, a vigilância deve ser previamente informada ao funcionário e deve estar prevista em contrato.

Do contrário a empresa estará infringindo uma lei, no caso o artigo 5º, inciso X, da Constituição Federal de 1988, no qual diz que são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação.

De qualquer forma é bom ficar atento e se auto-monitorar para não se prejudicar!

Matérias relacionadas:
Câmeras - Segurança no Ambiente de Trabalho

Deixe seu Comentário

Faça uma busca de vagas (escolha uma área ou busque o cargo desejado)

Buscar Emprego: