Para sua Carreira.

Orientação e dicas para você atingir seus objetivos.



Procurando emprego? Faça uma busca de vagas no maior site de Empregos do Brasil[close]

Marketing pessoal: você é o melhor produto
Aprenda a se destacar no mercado usando princípios de venda e publicidade

Por Clarissa Janini

O que faz com que uma pessoa comum se destaque em meio a tantas outras? Muitos podem dizer que se trata de “brilho pessoal”, mas um fato é indiscutível: pessoas notórias chamam mais atenção porque possuem alguns atributos mais bem desenvolvidos do que a maioria – simpatia, extroversão, credibilidade, entre outras características que as tornam um imã social. Profissionalmente, é possível tornar-se “popular” no mercado e alavancar a carreira incorporando algumas atitudes e hábitos. O marketing pessoal, conceito que aplica os princípios do marketing às pessoas, é uma grande tendência nos dias de hoje. Fazer de si mesmo um bom produto e saber vendê-lo às empresas é requisito fundamental para garantir sua empregabilidade daqui em diante. Conhecimentos técnicos são, atualmente, apenas a base da construção de uma carreira bem-sucedida – o diferencial entre um profissional e outro está, na realidade, em suas atitudes e capacidade comunicativa.

Em palestra realizada na ExpoManagement 2005, o coordenador do curso de marketing da Umesp (Universidade Metodista de São Paulo), Eder Polizei, abordou o tema e ensinou como aplicar o marketing pessoal corretamente no dia-a-dia. Para tanto, introduziu alguns conceitos do marketing tradicional e os adaptou aos hábitos profissionais. “No marketing, o produto ou serviço não existem; o que o consumidor compra, na realidade, é o benefício que eles trazem”. Sendo assim, você precisa apresentar os benefícios que pode trazer a todos que fazem parte do seu círculo profissional, desde o selecionador até o chefe e colegas de trabalho. “Um currículo ‘robusto' deve transmitir para o entrevistador eficácia, desenvoltura e lucro”, diz. Se você já está empregado, não deixe de exercer a prática dentro do ambiente de trabalho para ser percebido e subir ainda mais degraus na carreira.

Como chegar lá
No início da palestra, o coordenador procurou quebrar alguns preconceitos existentes sobre o marketing pessoal. “O termo está banalizado e é freqüentemente usado como sinônimo de pessoas exibicionistas e ‘pavões'”. Ele lembra que o exagero pode, ao invés de aproximar, afastar as pessoas e as chances de ser reconhecido. “O pavão de hoje é o espanador de amanhã”. Aplicar os conceitos de marketing pessoal sem erro requer preparo e conhecimento da área. No marketing tradicional, há quatro pontos fundamentais, os quatro “Ps”: produto, preço, ponto de venda e promoção. “No marketing pessoal, podemos adaptar da seguinte maneira: o produto é o profissional, o preço é o salário, o ponto de venda é a área de atuação e a promoção é a comunicação”. Aprenda, abaixo, como incorporar esses preceitos à sua carreira.

Produto (profissional) – Para ser notável, você precisa, antes de tudo, possuir características de um verdadeiro talento. “Pessoas talentosas são criativas, hábeis, confiáveis, batalhadoras e bem-humoradas. Mas devem tomar cuidado com a falta de disciplina, pois geralmente apresentam problemas na execução de tarefas”. Outra competência imprescindível é possuir conhecimentos múltiplos e saber trabalhar em diferentes estruturas. “Tem que saber o básico de tudo e se destacar em algum ponto”, afirma Polizei.

Preço (salário) – Na hora de estipular um valor médio para seu salário, não tenha medo de elevar a quantia. “Nós sempre associamos o mais caro à melhor qualidade. Portanto, não aceite qualquer proposta”. Mas e no caso de um profissional em início de carreira, sem experiência? O palestrante recomenda, então, o “esquema traficante: no começo é baratinho, mas depois encarece”.

Ponto de venda (área de atuação) – Sua área de atuação deve ser bastante extensa, abrangendo além do local de trabalho. Uma dica importante apontada por Polizei é sempre tratar bem as pessoas ao seu redor, ser solícito e educado. “Pense nas pessoas em relação ao amanhã, você nunca sabe o que pode acontecer”. Ser expansivo também é fundamental para ampliar os horizontes, e lembre-se de se posicionar nos lugares certos, sempre.

Promoção (comunicação) – Comunicação é a alma do negócio, nos dias de hoje – independentemente de seu campo profissional. Manter uma rede de relacionamentos e alimentá-la constantemente é essencial, “mas cuidado para não ser um bom falante e mau executor”. O palestrante lembra que o êxito na carreira consiste em ser e parecer um bom profissional, pois as aparências não duram muito tempo - você terá de provar sua competência cedo ou tarde.